como-avaliar-um-pacote-de-viagens-01

Seja em um período de alta ou baixa, a hora de comprar um pacote de viagens é um momento de maior atenção na hora de escolher entre as diversas opções de pacotes de viagens, agências e promoções.

Por isso separamos 7 dicas importantíssimas para escolher o pacote de viagens feito para você e boa viagens!

esclareça-as-informações-01

1.    Leia e releia todas as informações do pacote;

 

Contratos de prestação de serviços podem ter uma linguagem mais jurídica, que não facilitam em nada o entendimento das informações.

Fique de olho nas agências de viagens, nesse quesito, elas podem utilizar da omissão de algumas informações relevantes para poder vende o pacote para você.

Verifique-informações-contrato-01

2.    Atenção redobrada aos serviços do pacote de viagens;

Da mesma forma, se você leu atentamente o contrato, nele você tem que checar um por um dos serviços inclusos. Simplesmente para que você saiba tudo que o pacote possui para você e para que não seja cobrado nada adicional

solicite-confirmação-01

3.    Solicite confirmação da viagem;

Dias antes do embarcar confirme com sua agência que está tudo pronto e que você realmente pode ir viajar na data marcada. Aqui, servem como comprovação de viagens, nota, débito ou até um e-mail de confirmação

comprovante-assento-marcado-01

 4.    As passagens;

Tenha de antemão as passagens com assento marcado, ida e volta. Logicamente é necessário para que se evite dor de cabeça com as companhias aéreas ou outro tipo de atraso ou problema na viagem.

reserva-hotel-01

5. Reservas de hotel

Então, confirmadas as informações gerais, os serviços e os transportes, chegou a hora de ver também as reservas de hotel. Não vamos ficar sem teto não é mesmo?

Por mais absurdo que possa parecer não é coisa doutro muito você ouvir historia de viajantes que compraram uma pacote de viagens, chegou no hotel e não haviam reservas.

programar-passeios-01

6. Programação da viagem

Juntamente com o contrato atente-se a programação dos passeios da sua viagem para que não seja. Saiba tudo que você está pagando em termo de experiências, passeios turísticos, visitas a lugares, restaurantes.

Tenha acima de tudo a garantia de que você, nesta programação, não esteja pagando por alguma experiência que não quis, ou que ainda não havia ficado claro pra você. Como se fosse uma venda casada.

ultima-dica-01

7. Garanta os seus direitos

Para completar, uma boa maneira de fazer valer cada informação passa na venda e até no pós-venda anterior ao embarque, é guardar todos os tipos de materiais de divulgação sobre seu pacote. Sejam eles impressos ou digitais, flyers, panfletos, banners, sites, e-mails promocionais. Tudo!

 

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 5.0/5 (1 vote cast)

 Se você é como a gente que não abre mão de conhecer um novo lugar, mesmo apertando o bolso e fazendo alguns ajustes, vem com a gente e se liga só nessas dicas pra economizar na sua próxima viagem.

Há quem não goste de aproveitar as experiências incríveis de uma viagem e ao mesmo tempo economizar? Eu não conheço. Ainda mais nos tempos atuais. Se você é como a gente que não abre mão de conhecer um novo lugar, mesmo apertando o bolso e fazendo alguns ajustes, vem com a gente e se liga só nessas dicas pra economizar na sua próxima viagem.

1 – Pesquise muito antes de comprar uma passagem aérea – não que você já não faça isso, mas se quiser mesmo economizar, vale a pena, às vezes, adiar a viagem e esperar por uma promoção ou ter mais tempo para pesquisar mais.

2 - Ande de metrô e fique em um hostel É jovem? Como anda a disposição? Prefira caminhar e andar de metrô a táxi compre o passe para mais dias (normalmente 5 dias). E se hospede em um hostel, o que é muito bom para a interação e para conhecer novas pessoas, além de ser super divertido quando se viaja em grupo.

3 - Viaje na baixa temporada Além de conseguir economizar em passagens e hotéis, o clima costuma ser melhor para viajar nem tão quente nem tão frio. Em boa parte do globo os meses março, abril, maio e setembro, outubro, novembro costumam ser de baixa temporada. Com sorte, podendo escolher a época de suas férias a economia vai ser bem maior nesses períodos.

4 - Evite pacotes turísticos - Bem, não é regra, mas os pacotes são interessantes para aqueles que desejam a comodidade ou não sentem-se confiantes em programar a viagem sozinhos. São muito utilizados por famílias com crianças ou idosos, mas você planejando a própria viagem poderá ter mais liberdade de escolher e ir aonde lhe interessa e realmente goste.

5 – Tenha um roteiro – Dica de cima então nos trouxe até aqui. Já viu alguma coisa planejada sem roteiro? Só filme ruim. Então, faça-o! Pesquise primeiramente onde você tem vontade de ir referente ao seu destino. Pesquise não só o lugar, mas como chegar o que vai fazer quando com data e período do dia. Com preços aproximados que vai gastar em cada loja, restaurante ou ponto turístico que for ver.

6 – Planilha de gastos – Coloque a risca o que for gastando, estipule um orçamento diário. Com TUDO o que for comprar. O valor do dia é do dia, não se perca. Essa quantia é para comer, passear e comprar. Então seja controlado (a).

7 – Leve pouca bagagem – Leve roupas básicas, camisetas e camisas lisas, calças jeans, jaquetas. Coloque na mala coisas que você, com certeza, pode e vai usar mais de uma vez em lugares e situações diferentes. A bagagem grande só gera transtorno, pois você pode achar que não, mas vai comprar coisas pelo caminho.

8 – “Quem tem boca vai à Roma” – Essa frase pode até ser uma simples corruptela, mas seu sentido é real. Não tenha medo de pedir informações. No aeroporto, no hotel, aonde parar para comer. Seja sobre como pegar o metrô ou ônibus, até nome de ruas ou lojas e pontos turísticos.

9 – Pague em dinheiro – Com o IOF (imposto sobre operação financeira) sendo cobrado em todos os cartões e saques, leve o máximo que der na moeda local em espécie, assim você terá melhor controle e não terá surpresas com as altas tarifas cobradas no final da viagem.

10 – Tax Refund – Procure ser ressarcido (a) dos impostos.  se no país onde você estiver houver a possibilidade de reaver o imposto , não se esqueça de solicitar ao lojista a papelada para apresentar no aeroporto quando estiver partindo. Muito comum na Europa e faça isso se realmente gastou muito.

No mais é só aproveitar a viagem e seguir a melhor dica de todas, ECONOMIZAR! Tem algum comentário, sugestão ou dúvida, escreva de volta para a gente.

Palavras-chaves: Viagem, Viajar, economia, economizar, economia na viagem, destinos, Lazertur, férias

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 5.0/5 (1 vote cast)

Uma viagem de apenas 4 horas de carro separa Orlando de Miami. Por isso, grande parte dos turistas que vão aos Estados Unidos em busca de diversão nos parques da Disney em Orlando acaba por esticar até Miami e conhecer suas lindas praias.

Miami é famosa também por ser um paraíso para compras e por ter festas reconhecidas internacionalmente. Mas ela tem atividades para entreter todas as idades, e as crianças não vão ficar decepcionadas e muito menos entediadas com a visita.

Confira aqui 5 dicas para Miami com as crianças:

Leia Mais

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 2.8/5 (4 votes cast)